Teste PMK

O Psicodiagnóstico Miocinético (PMK) avalia as características estruturais e reacionais de personalidade, evidenciando atitudes constitucionais já consolidadas no indivíduo, ou seja, sua personalidade, e as atitudes situacionais e transitórias, que acontece no momento de vida em que está passando.

O PMK permite conhecer diferentes aspectos da personalidade por meio de alterações do tônus postural, uma vez que se acredita que toda intenção ou propósito de reação acompanha-se de uma modificação do tônus postural.

A avaliação se dá mediante a análise das tensões musculares involuntárias que revelam tendências fundamentais de reação, assim como os detalhes mais importantes do temperamento e caráter da pessoa em estudo.

O instrumento proporciona uma avaliação fidedigna da personalidade por ser de natureza não-verbal e não ser suscetível a aprendizado, possibilitando que seja reaplicado.

Estudos indicam que quanto mais o indivíduo dirige sua agressividade para o meio, maior a chance de sofrer acidentes no trabalho, independente de sua experiência na função.

Assim, o PMK é muito utilizado para avaliar trabalhadores que exerçam suas atividades expostos a riscos ou que exijam maior cuidado, como motoristas, trabalhadores em espaço confinado, vigilantes, operadores de máquinas, entre outros, uma vez que avalia a maneira como o indivíduo controla suas emoções.